Linux do Damião

 

 

 

Após os Pais do pequeno Damião terem gostado do programa que fiz a algum tempo para a

criança perceber a relação teclado > monitor, pediram-me ainda uma versão do joguinho que corresse no Windows para terem lá em casa.

 

Infelizmente, por não ter o windows, ou talvez devido a minha incapacidade, não consegui fazer o programa correr nesse sistema operativo, apesar de a linguagem Fenix ser portável.

 

Portanto a solução foi fazer uma Pen USB com um sistema Linux e moldar a coisa com o meu jogo, e outros programas e brincadeiras, de modo a que fosse exclusiva para o miúdo, na companhia dos pais claro...

 

Sei que existem distros especializadas para crianças, mas resolvi seguir outro caminho, fazendo eu mesmo, já que é uma prenda, e não há nada melhor do que prendas criativas feitas por nós mesmos.

 

Portanto, tratou-se simplesmente de instalar o Linux numa Pen e colocar o Gnome tão simples e básico que qualquer criança o poderá utilizar facilmente, tendo basicamente atalhos no Desktop para jogos e brincadeiras. O Ícone de Internet foi mais para os pais, está lá não necessariamente para ser usado por crianças...

 

 

Uma Pen USB de 4 gigas serve perfeitamente para tal.

 

O login do GDM no Fedora é feito automaticamente, para não se tornar aborrecido e complicado, eis aqui como fazer, embora se existir redes wireless, a máquina pede a senha do utilizador.

 

Aumentei o tamanho dos ícones para encherem o ecrã, escolhendo uns bonecos porreiros para crianças deste site.

 

Eis como ficou o "Linux do Damião".

 


 

Inclui principalmente os programas Tux Paint, Tux Math, um link para a radio online da Disney, o meu jogo do teclado/monitor, e os jogos pingus, frozen bubble e super tux, tudo a correr em full screen (usando geralmente --fullscreen no comando a executar), o browser é o google-chrome com um tema bonito, que corre bem rápido da Pen USB ao contrário do Firefox.


O tema do Gnome é o bluecurve clássico que vem no repositório do Fedora e para o rato usei este tema do site Gnome look.

 

Pus umas cores bonitas e eliminei a barra de menus, embora os Pais possam sempre aceder a ela teclando ALT+F1. O resto do software são as ferramentas normais que vêm com o Live-CD do Fedora, mais para uso parental neste caso.

 

Chamei este pequeno projecto de «Linux do Damião», embora na verdade seja apenas o Fedora com o Gnome e o boot personalizados e nada mais.

 

O arranque da Pen USB ficou assim.

 

 

Acho que é sempre uma boa prenda oferecer uma Pen USB a crianças ou jovens com um Linux personalizado para os gostos do aniversariante, e existem inúmeras possibilidades de encher uma Pen Linux com software especializado num assunto, ou didáctico, ou jogos ou software multimédia, ou simplesmente programas para navegar na net e para o mail e o chat.

 

Acho muito mais interessante do que oferecer uma Pen vazia.

 

E o melhor de tudo é que será sempre personalizado como nós queremos, e o GNU/Linux  permite fazer isso tudo sem termos que dar cavaco a ninguém!

 

 

Cheers!

publicado por Adelino às 11:29 | favorito